27.12.11


gosto quando vou, só assim me sinto realmente viva, só assim consigo sentir o amor que nos corre nas veias, quando as nossas almas se juntam eu consigo sentir que é forte e é por isso que odeio voltar, porque ainda não arranjei força para derrubar a distância que me destrói por dentro, mas um dia terei o ás de espadas na mão e vencerei o mundo para ficar contigo apenas para mim, e contigo do meu lado, seguirei em frente, na longa estrada da vida, a estrada sem destino, onde não se volta
atrás, onde eu estou para ti e tu para mim. vou tirar proveito desse caminho, percorrendo-o então contigo para sempre ♥

1 comentário: